Meu Anjo tem Sonhos tranquilos

Nos últimos meses retomei a minha pesquisa pictórica, e consegui desenvolver três novas telas. 
Em duas delas, continuei usando o conto que criei para meu tcc “De onde os medos crescem” do qual já tinha feito quatro pinturas. 
Retomei duas partes do conto que gosto muito, que é o “Ela tinha sonhos” e o “No jardim da infância, brinquedos que não foram meus”, 
Já nesta pintura, eu voltei aos meus primeiros procedimentos que eram partir de uma imagem base, tirada de alguma memória, obra de arte, ou imagem de qualquer lugar. 
A imagem escolhida foi a pintura de Millet “Angelus”, mas cheguei nela primeiramente por Dali. 
Mesmo já conhecendo a pintura de Millet e tendo uma grande atração pelas duas silhuetas formadas pelo homem e a mulher, o que realmente me motivou e deu mais força para esta imagem foram as diversas apropriações e referências feitas por Dali  a este casal. Ele tem várias versões derivadas de “Angelus” e suas variações são tão fortes quanto a original, de fato uma tremenda força que esta duas figuras conseguem despertar. 
Sendo assim, desenvolvi minha versão desta, tentando limpar alguns procedimentos pictóricos que geralmente utilizo.  e este foi o resultado. 
também fiz alguns desenhos derivados de Angelus, que postarei mais para frente. 

Queimamos Natividade… era uma noite de festa.

Técnica: Nanquim, acrílica, xilo, photoshop.

Mais uma ilustração para o TNTema. Fiz essa ilustração hoje de manhã rapidinho e finalizei no ps. O tema desse mês é Brasil, um ótimo tema para ilustradores mostrarem qual é a imagem do nosso país, vai aparecer muito verde e amarelo, muito futebol e muita critica.
A minha é meio critica, meio memorial.
abraços.

Fragmentos Sobre a Chuva

Um desenho de 2008 se não me engano, um estudo que comecei usando anilina, papel reciclado e caneta spray metálica. pretendo continuar, mas com um papel arroz quando tiver um tempinho.

em seguida, Fragmentos Sobre a Chuva…. mais um devaneio.

“…Os trovões rompiam o silêncio
Os raios iluminavam seus olhos.
Olhei o céu buscando estrelas
Mas a noite me trazia nuvens…”

“…Esperava contente o presente
Que lavava meu corpo e minha mente.
Fui deixando pelo chão:
roupas, magoas e solidão
me preenchia de pequenas alegrias:
as perolas de cristal me faziam companhia…”

Princesa da Paz – Estudo Retrato


Este desenho é um estudo feito primeiro com grafite sobre um papel colorido. depois apenas como um estudo de camadas misturei algumas coisas no photoshop. junto com o desenho, um texto poético.

abraços a todos.

Para a princesa da paz

Perco-me em seu olhar

E no sorriso que nunca vi

Leva-me para outro lugar

Desperta o melhor de mim.

Um jeito doce e forte

Que presenteia aos que tem sorte

Longe, mas nunca distante

Visita meus sonhos toda noite.

Com sua voz suave

Suas falas fortes

Encantos de uma sereia

Em cantos dissonantes.

Quem dera me perder nos seus braços

Achar-me em seus lábios,

Morrer em seus beijos

E no seu olhar, ressuscitar.

Não é só beleza sua força

Mas principalmente seu coração

A magia do seu jeito

A vontade de acreditar

Que presenteiam todos a sua volta

Que a levará a aonde quer chegar.

Não existem rosas com seu nome

Nem poderiam encontrar,

Pois não existe nada mais doce

Não existe beleza a se comparar.

1 2 3 4 6